Maria Moisés

Esta edição dos Livros RTP reúne três novelas publicadas por Camilo Castelo Branco entre 1875 e 1877. A primeira, que dá o nome a esta colectânea, Maria Moisés, retrata a história de uma jovem com este mesmo nome que, depois de abandonada à nascença, serve-se dos rendimentos que possui para dar auxílio a outras crianças cujo destino foi o mesmo que o dela. A segunda novela dá pelo nome de O Cego de Landim onde se conta a história de António José Pinto Monteiro, um homem cego que ficou conhecido pela designação que dá nome à novela. Por último, a terceira novela que dá pelo nome de A Morgada de Romariz e que conta a história dos antepassados de D. Felizarda, conhecida pelo pela designação que também dá nome a esta novela.
Esta foi uma obra muito interessante de ler. As três novelas presentes neste livro apresentam todas um ambiente muito rural, um pouco ao jeito dos contos de Miguel Torga, que me agradou bastante. Tirando a novela O Cego de Landim, todas elas mostram o lado duro do que eram viver no campo antigamente. Momentos em que o trabalho era duro e o pagamento escasso. Momentos em que as dificuldades eram muitas e, infelizmente, as bocas para alimentar por família também. Existem aqui e ali algumas críticas sociais nos textos, no entanto estão bem dissimuladas.
Classificação: 3/5
“Vejam os profundos segredos do céu! Os crimes obscuros quase nunca é a lâmpada da virtude que os descortina; são sempre os cerdos que foçam e tiram à tona dos lamaceiros as podridões submersas.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s