A Loja dos Suicídios

A Loja dos SuicídiosQuem olhava para aquele sombrio edifício não consegue imaginar o que terá sido aquilo. Uma antiga igreja, uma velha mesquita, uma imitação de castelo, talvez. O interior da loja acompanha na perfeição o exterior, ou não fosse o slogan da Loja dos Suicídios “A sua vida foi um fracasso? Connosco, a sua morte será um sucesso! Gerida há muitas gerações pela família de Mishima Tuvache, esta peculiar loja tem ao dispor de todos os desesperados uma panóplia de artigos para levar o seu intento avante. Desde venenos vários, passando por cordas para enforcamento, pedras para afogamento, pistolas prontas a disparar, lâminas afiadas para cortar os pulsos, etc. Os filhos do casal Tuvache também são bastante peculiares. Vincent é um jovem génio depressivo cujas invenções fazem as delícias dos pais. Marilyn é a típica adolescente deslocada com baixa auto-estima. E depois há Alan, o filho que espalha alegria, felicidade e dores de cabeça aos pais desde o berço. Tudo isto envolvido num ambiente futurístico quase a roçar a ficção científica.

** ATENÇÃO: Pode conter spoilers **

O suicídio é daqueles assuntos sempre melindrosos de abordar, disso não há dúvidas. Teulé escolheu tratar o assunto de um modo muito caricato e ao mesmo tempo muito mórbido. No entanto, a maneira como o autor apresenta o enredo consegue cativar-nos para continuar a ler. São capítulos curtos, com pequenas doses de umas vezes suspense, outras vezes algumas peripécias em cada um. Uma coisa que provavelmente o autor não pensou e que eu julgo que dava outra graça ao livro era incluírem algumas ilustrações. Eu, pessoalmente, escangalharia-me a rir se a páginas tantas encontrasse isto:

A Loja dos SuicídiosEsta é a famosa imagem da t-shirt a que Alan chama de humor! E quando falo nesta, falo em muitas outras tipo as prateleiras da loja ou um esboço da maquete de Vincent. Quanto ao final, apanha-nos desprevenidos mas não deixa de ser esperado. Alan quando nasce traz como missão “secreta” trazer luz a uma família sombria. E consegue-o. Conclusão, este é um livro interessante para quem quiser ser surpreendido.

Classificação: 3/5

Há muita gente amadora… Sabe o senhor que, em cento e cinquenta mil pessoas que fazem a tentativa, cento e trinta e oito mil fracassam. Estas pessoas costumam ficar aleijadas, em cadeiras de rodas, desfiguradas para a vida, ao passo que connosco… Os nossos suicídios são garantidos. Morto ou reembolsado!

Opinião re-escrita a 03-Mai-2014

 

2 pensamentos sobre “A Loja dos Suicídios

  1. ola! Agora é que estou a ver que devo ser a única pessoa que o esta a ler, porque toda a gente a o leu! Não sei como o não descobri antes.. Não tenho tido muito tempo e ainda não acabei mas estou a gostar muito.. E estou curiosíssima com o final!!

    Beijos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s